fbpx
Telefone: (11) 3536-2478 - (11) 99409-7274 contato@auraclara.com.br

O microondas faz mal?

Primeiramente, é importante compreender que, de fato, a radiação do microondas não é alta suficiente para causar danos térmicos ou danificar diretamente o DNA das nossas células da mesma maneira que a radiação ionizante dos raios X ou gama. No entanto, os campos eletromagnéticos gerados pelo microonda podem causar, na verdade, mais danos biológicos do que a radiação ionizante, uma vez que indiretamente aumentam a produção de radicais livres de hidroxila no nosso corpo. Esses radicais danificam nossas células, levando a disfunções mitocondriais, que é uma das principais causas de doenças crônicas atualmente.

Dito isso, há 2 principais impactos à nossa saúde da exposição do que comemos, a longo prazo, a baixas doses de radiação:

1) Diminuição das propriedades nutricionais dos alimentos aquecidos
Em termos de impacto na qualidade dos alimentos, diversos estudos apontam uma diminuição das propriedades nutricionais dos alimentos:

– como a perda de antioxidantes e de vitaminas e
– a desativação de enzimas.

Alguns estudos indicam também que o aquecimento do leite materno no microondas pode diminuir suas propriedades imunológicas, ao reduzir a atividade, por exemplo, da enzima lisozima e de alguns anticorpos presentes no leite.

2) Produção de substâncias tóxicas e carcinogênicas
Além disso, quando aquecido, o plástico presente em recipientes, tampas e embalagens podem liberar substâncias tóxicas como BPA (bisfenol A), ftalatos, dioxina, benzeno, tolueno e xileno, contaminando seu alimento com disruptores endócrinos e substâncias carcinogênicas.

Este conteúdo tem caráter estritamente educativo e não prescritivo.

Referências:
Dr. Joseph Mercola | How Your Microwave Oven Damages Your Health In Multiple Ways
Dr. Josh Axe | Microwave Radiation